Eu sei,
não importa do que se trata,
a nossa impressão é uma só:
tudo que é bom dura pouco.
Desculpe te confundir,
mas o que é pouco para você?
Digo isso sem culpas,
porque um sorriso
que nos faz fechar os olhos
e relembrá-lo a cada suspirar
pode até ter durado pouco,
enquanto aconteceu,
mas dura muito
em quem permaneceu.
O ponto a nosso favor
é que nessa sensação,
nosso coração não nos escuta
e entende com sinceridade
que tudo que é bom
dura o tempo bastante
para se tornar inesquecível.
Seja na calma gutural de uma cerimônia
ou na energia intensa de uma festa,
o que se viveu,
é tatuagem em nossa memória.

Larissa e Daniel, marcados pelo que se viveu.
rz

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comente! |
Pitacos pelo Facebook

Agora é sua vez! Diz aí!


Deixe seu comentário



Fotografia e Filmes de Emoção

A gente não busca histórias perfeitas.
A gente conta histórias verdadeiras.
E por assim ser, especialmente únicas.

Não que elas dependam da gente para acontecer.
Mas sim, dependem orgulhosamente da gente para permanecer.

O click é de fato o som do infinito.
O instante não volta.
A Fotografia jamais vai.
A emoção nunca pára.

Tome seu tempo.
Reviva seus sonhos.

Rodrigo Zapico