Desde pequeno somos condicionados.
E isso, de maneira quase-natural, maternal.
“Não se pode fazer isso”.
“Não se deve fazer aquilo.
Não. Não. Não.
É o que os psicólogos chamam de limites.
Mas, desconfio que essa lição já nasce com dia para partir.
Como tantas coisas que aprendemos e esquecemos,
Junta-se a elas, mais essa coisa de restrições.
Somos por natureza desafiadores.
De nós mesmos inclusive:
Os limites nos levam apenas até onde já chegaram.
E não nos contentamos. Nunca.
O que não se sabe, quer ser sabido.
O que não se vive, quer ser vivido.
Faz parte também.
Como esquecer de ser confinados em regras.
Como transformar sonhos em desejos e metas.
Como arriscar.
Como conquistar.
Nossos caminhos são os de nossas almas.
Nossos limites são do tamanho de nossa coragem.
De nossa entrega.
De nossa força.
Em aceitar que o único que pode nos restringir,
É o nosso próprio coração.

Aí conheço um casal desafiador.
Com os limites maiores que seu sonhos.
E com os sonhos do tamanho de seu coração.
Que me manda fazer as malas e me leva para o Perú.
Sim, PERU!

Resultado? Vídeo surpresa no meio da festa. Same Day Edit.
Com direito a cenas da cerimônia e depoimento apaixonado dos noivos.

rz

 


*Não deixe a velocidade da internet parar sua emoção. Aperte o play, espere a barrinha cinza carregar e ENCAN
TE-SE!





Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um pitaco pelo blog |
Pitacos pelo Facebook

Agora é sua vez! Diz aí!


Um comentário

  1. Daniela L Mattedi says:

    Esse vídeo ficou sensacional!!!!! A noiva vendo o vídeo durante o making of ;-)))) !!!!!!! Adorei!!!
    E a mistura do video da historinha com o dia do casório ficou fantástica!!
    Amo seu jeito criativo de encantar!!!!!!! Mas isso vc já sabe! :-)

Deixe seu comentário



Fotografia e Filmes de Emoção

A gente não busca histórias perfeitas.
A gente conta histórias verdadeiras.
E por assim ser, especialmente únicas.

Não que elas dependam da gente para acontecer.
Mas sim, dependem orgulhosamente da gente para permanecer.

O click é de fato o som do infinito.
O instante não volta.
A Fotografia jamais vai.
A emoção nunca pára.

Tome seu tempo.
Reviva seus sonhos.

Rodrigo Zapico